12.22.2007

Is déti laifi? (Is that life?)

Creio que não passe um dia no qual eu não tenha esses momentos de tristeza aparentemente inexplicáveis, mas são inexplicáveis para a maioria das pessoas (acho) pelo simples motivo do medo que elas possuem de se alto analisar e descobrir a verdade nua e crua. Humanamente fadados a imperfeição eterna, estes somos nós. O desejo sobrepujando a razão nos faz a vida bela dizem outros, cria momentos memoráveis, aqueles que fazem a vida valer a pena. Pode até ser, quem sou eu para falar o que ou o que não é. Não sei as outras pessoas, mas falo por mim. A euforia quando vai embora traz lugar para o sentimento de vazio, a infeliz realidade de que não podemos ser 1oo% do tempo eufóricos e felizes. Justamente pelo nosso apego às coisas, e principalmente o apego às emoções, tudo isto gera sofrimento, dukkha.
Paixões ...
Relacionamentos Confusos...
Incompreensão.....
e acima de tudo, o sentimento presente em cada coração humano:
Perdidamente confusos, mais de 6 bilhões de pessoas sem rumo...
O sentimento de uma pessoa perdida me ataca nos mais variados momentos justamente porque ficamos e ficaremos toda a nossa vida assim. Basta um pequeno intervalo de tempo em silêncio, com minha mente simplesmente a divagar e lá me vem o "insight" frio e cruel de que o ser humano é um bicho com um futuro nada promissor, eu começo a analisar as pessoas ao meu redor e não vejo nada nos olhos delas que difere de no fundo no fundo, pura insignificância perante a vida e os seus estranhos caminhos.
Estranhos caminhos...

Um comentário:

CresceNet disse...

Hello. This post is likeable, and your blog is very interesting, congratulations :-). I will add in my blogroll =). If possible gives a last there on my site, it is about the CresceNet, I hope you enjoy. The address is http://www.provedorcrescenet.com . A hug.